Política de Denúncias

INTRODUÇÃO

A MDT INDÚSTRIA COMERCIO IMPORTAÇÃO E EXPORTAÇÃO DE IMPLANTES S.A em relação a si própria e suas subsidiárias diretas e indiretas (em conjunto, a “Sociedade”), adotou esta política para incentivar os funcionários a denunciar às autoridades estaduais e federais competentes ou aos quadros apropriados da Sociedade, sem medo nem retaliação, informações relativas a fraudes, bem como apresentar à Sociedade, de forma anônima e confidencial, reclamações relativas à contabilidade, controles contábeis internos e questões de auditoria. O objetivo desta política é desencorajar atividades e condutas ilegais que prejudiquem o bom nome, o direito de operação e os interesses da Sociedade, bem como suas relações com acionistas, fornecedores, entes públicos e a comunidade em geral.

Canal de denuncias: www.canalvincula.com.br

I. Política Geral

A um funcionário que, de Boa Fé, fizer uma Denúncia não será permitido retaliação por parte da Sociedade ou de qualquer executivo, funcionário, prestador de serviços, subcontratado ou preposto da Sociedade, sujeito a punição administrativa quem praticar qualquer tipo de ato retaliativo. “Denúncia” é qualquer ato legítimo praticado pelo funcionário para:

• Revelar uma suposta violação das leis e normas internas, bem como políticas da Sociedade, infringindo o Código de Ética, a ao Recursos Humanos, ou qualquer pessoa que tenha autoridade como supervisora do funcionário ou qualquer outra pessoa que trabalhe na Sociedade e tenha a autoridade de investigar, descobrir ou por fim à conduta proibida por esta política.

• Propor, providenciar a propositura de, depor em, participar de ou, de qualquer outro modo, colaborar com processo movido sob os termos das leis e normas internas, bem como políticas da Sociedade e infração ao Código de Ética.

• Fazer reclamação confidencial, anônima ou não, sobre coisa que lhe pareça questionável em qualquer setor, campo ou esfera relativa à Sociedade.

Onde reclamar?

As Denúncias são importantes no combate à corrupção. Veja a seguir uma lista de órgãos com os respectivos e-mails e telefones para pedir providências contra o mau uso do dinheiro público.

Governo federal

Câmara dos Deputados 
0800 619 619

Ministério da Educação
0800 616161

Ministério da Fazenda
0800 992345

Ministério da Justiça
Denúncias sobre arbitrariedades: (61) 224.5248

Ministério do Meio Ambiente
0800 618080

Ministério da Saúde
0800 611997

Previdência Social 
0800 780191 
ouvidoria@mpas.gov.br 
cartas-df@mpas.gov.br

Polícia Federal

Senado Federal 
0800 612211

Tribunal de Contas da União

Procuradoria Geral da República

 

Procuradorias da República nos Estados

Procuradoria da República – Acre

Procuradoria da República – Amapá

Procuradoria da República – Amazonas

Procuradoria da República – Bahia

Procuradoria da República – Ceará

Procuradoria da República – Distrito Federal

Procuradoria da República – Espírito Santo

Procuradoria da República – Goiás

Procuradoria da República – Mato Grosso

Procuradoria da República – Mato Grosso do Sul

Procuradoria da República – Minas Gerais

Procuradoria da República – Pará

Procuradoria da República – Paraíba

Procuradoria da República – Paraná

Procuradoria da República – Pernambuco

Procuradoria da República – Rio Grande do Norte

Procuradoria da República – Rio Grande do Sul

Procuradoria da República – Rondônia

Procuradoria da República – Santa Catarina

Procuradoria da República – São Paulo

Procuradoria da República – Sergipe

 

Ministério Público Estadual

Ministério Público do Estado do Amazonas

Ministério Público do Estado do Ceará

Ministério Público do Distrito Federal e Territórios

Ministério Público do Estado de Minas Gerais

Ministério Público do Estado da Paraíba

Ministério Público do Estado do Paraná

Ministério Público do Estado de Pernambuco

Ministério Público do Estado do Rio Grande do Sul

Ministério Público do Estado de Rondônia

Ministério Público do Estado de Roraima

Ministério Público do Estado de Santa Catarina

Ministério Público do Estado de São Paulo